Sou ateu e não gosto de musicais. Como é que estas duas premissas ligam? Simples: um dos meus filmes favoritos de todos os tempos é o fabuloso Jesus Christ Superstar.
Sou ateu porque não acredito na existência de uma entidade superior, o que não me empede de acreditar na existência de um homem chamado Jesus que, a julgar pelos relatos da época, deve ter sido o gajo mais porreiro que já habitou o planeta. E admiro-o por isso. Não acredito é que fosse filho de um Deus, lamento.
Não gosto de musicais. São, geralmente… chatos. Este é a excepção, com muito gospel ali pelo meio, vestimentas hippie (não fosse o filme rodado em 1973), muito humor e do muito inteligente por vezes. Os actores são excelentes nos seus papeis, e qual deles com a melhor voz…
De todas as músicas que se retiram da banda sonora do filme (e que ouço regularmente), há uma que contém uma passagem que nos dá uma visão diferente do habitual sobre o poder que Cristo teria sobre as massas. É por volta dos 3 minutos neste vídeo, um dos melhores quanto a mim, de todos os muitos que o filme tem disponíveis no youtube.

Jesus Christ Superstar (1973) Simon Zealotes
[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=Sa3yG1j_9pc]

There must be over fifty thousand
Screaming love and more for you
Everyone of fifty thousand
Would do whatever you ask him to
Keep them yelling their devotion
But add a touch of hate at Rome
You will rise to a greater power
We will win ourselves a home
You’ll get the power and the glory
For ever and ever and ever
You got the power and the glory
For ever and ever and ever
Amen! Amen!

Comments ( 2 )

  1. ReplyJC Barros
    Uma das últimas vezes que vi este filme foi contigo e com o Fábio na velha Casa do Povo. Estavam lá 3 fãs.
    Musicalmente o meu período favorito é o dos 60's/70's; nunca se fizeram melodias tão poderosas e bem conseguidas como então, só por isso já bastava para ser fã mas como disseste está aí um filme que é bom por mais motivos.
    Esta Páscoa ainda tive esperança que a RTP se trasmitisse este filme como o chegou a fazer em tempos mas em vez disso fomos obrigados a papar a milionésia repetição de outros filmes, alguns que nada têm a ver com a Páscoa.
  2. ReplyLeonor Costa, editora Dance News
    Olá,estou montando um blog para o fã-clube deste filme e, na pesquisa por material, encontrei seu comentário. E já que vc é fã da obra, convido-o a visitar o blog e deixar lá sua opinião.
    O endereço é http://jc-superstar.blogspot.com

    Ah, sim, também edito um blog sobre dança de salão brasileira, se tiver curiosidade de conhecer...

    http://leonordancenews.blogspot.com

    Aguardo sua visita.

    Abraços, Leonor.