Isto parece abandonado, eu sei. Mas nem tudo o que parece é.

Mais dia menos dia volto a ter tempo para estar mais por cá. Se tudo correr bem lá para a semana já tenho uns minutinhos para cá estar regularmente.
Entretanto queria deixar aqui muito rapidamente os meus sinceros parabéns ao José Coveiro que acaba de ultrapassar o Luís Campas no ranking de treinador mais ridículo de nacionalidade portuguesa, e aproveito também este post para meter a seguinte musiquinha do novo álbum dos Art Brut a ver se isto anima:


Comments ( 2 )

  1. ReplyFreamundense
    Excelente post
    O José Couceiro(Coveiro),é isso mesmo que ele é!O que se passou esta madrugada foi uma autêntica vergonha,nacional e internacional,mostramos bem no que somos bons:pancadaria!
    "Roubar" um cartão ao árbitro!Nunca vi como isto!Acho que isto ultrapassa,e muito, o que se passou no mundial 2002 quando o João Pinto agrediu o árbitro!Francamente...pior que isto?Nunca vi!Urge mudar este tipo de atitudes!Segunda-feira entram em acção os nossos sub-18,espero que façam melhor figura!
  2. ReplyHugo
    Espero que deixem lá ficar o Couceiro. Já que estas selecções não ganham nada, ao menos que percam em grande estilo como ontem. O número do Zequinha foi magnifico. Tenho a certeza que se lá deixaram o Couceiro para a próxima ainda conseguem fazer algo mais parvo.

    Não é fácil responder à sondagem... o Coveiro nos últimos tempos tem grande destaque, mas o Otário Machado já leva muitos anos disto. Não consigo é relacionar as palavras "futebol" e "Luis Campos", o meu cerebro faz curto circuito.