Tal como com todos os outros álbuns dos Hives não sou capaz de ouvir 40 minutos seguidos de guitarradas estridentes. Os Hives são para mim daquelas bandas que se ouvem quando se tem a playlist de todos os nossos mp3 em shuffle.
E com este último “Black and white album” volta a acontecer-me o mesmo: não consigo ouvir tudo de seguida sem ficar completamente farto de tanto berro agudo.
Não quero com isto dizer que não gosto dos The Hives, não é nada disso. E prova disso é a quantidade de vezes que já ouvi esta “well allright”.


There are currently no comments.